Moodle Luis Loureiro

 

Links úteis

 

Webcam Ribeira Brava (vista atual)

     Ver Webcam's ampliadas:

     Ribeira Brava     Funchal      Calheta

 

Meteorologia

 

 

Segurança na Internet e Jogos Educativos

 

 

 

 Disciplinas de Luis Loureiro, disponíveis no Moodle da Escola:

 

 Tecnologias da Informação e Comunicação (TIC) - 7ºD 

    Professor: Luís Loureiro

 Tecnologias da Informação e Comunicação (TIC) - 8ºC e 8ºE 

    Professor: Luís Loureiro

 Instal.Manut.Equip.Informát. (IMEI) -11ºD (Curso Prof. G. Equip. Informáticos)

    Professor e Diretor de Curso: Luís Loureiro

 Notícias:

Feliz Natal e um Ótimo 2015!

por Luis Loureiro - Quarta-Feira, 17 de Dezembro de 2014, 23:24.

Feliz Natal!

Que o Pai Natal e o Menino Jesus tragam, com o Novo Ano de 2015,
os maiores desejos de cada um de nós!

 

Há vida para lá do «online»!

por Luis Loureiro - Quinta-Feira, 04 de Dezembro de 2014, 12:12.


Dois membros dos Clã visitam uma escola no Porto e falam de muitas coisas, incluindo da importância das amizades de “carne e osso”.
Na Escola B2/3 Dr. Leonardo Coimbra (filho), dos Clã, estiveram apenas presentes Manuela Azevedo e Hélder Gonçalves, mas com o “power” que caracteriza aquela conhecida banda nacional, fizeram uma pequena atuação intimista que deixou os alunos daquela escola de boca aberta, ainda mais sendo num local único: a Biblioteca.



Na música “Amigo do peito”, é aflorada a importância avassaladora que as redes sociais passaram a ter nesta nossa sociedade, bem como das amizades “virtuais” que vieram, muitas vezes, substituir relacionamentos mais próximos, procurando despertar para a importância dos relacionamentos físicos e presenciais.
A versão original da música "Amigo do peito", do álbum "Disco Voador" criado a pensar num público mais novo, pode ser ouvida no campo "Música" aqui na página principal do site Moodle Luís Loureiro.

 

Missão Rosetta vista por portugueses!

por Luis Loureiro - Terça-Feira, 18 de Novembro de 2014, 23:33.


Na reportagem do jornalista da SIC, Lourenço Medeiros, do Jornal da Noite de hoje, ficamos a saber algumas coisas importantes relacionadas com a missão da sonda Rosetta e do seu robô Philae, que teve como missão aterrar no núcleo de um cometa. Feito único na história da Humanidade!
Para além do testemunho do único português que esteve na sala de operações da Agência Espacial Europeia, responsável por esta missão, nesta reportagem podemos ver animações muito interessantes daquilo que se passou, desde o dia 2 de março de 2004, altura em que foi lançada a sonda, até ao dia 12 de novembro de 2014, altura em que aterrou no cometa 67P/Churyumov-Gerasimenko!
Foram 10 longos anos de viagem, mas valeu a pena!
Veja a reportagem:


EBSPMA

 

Robô Philae «adormeceu» no cometa 67P

por Luis Loureiro - Sábado, 15 de Novembro de 2014, 23:50.


Esta semana viveram-se dias históricos para a Ciência mundial, quando na quarta-feira passada (dia 12 de novembro), pela primeira vez na história da humanidade, se conseguiu fazer aterrar um robô num cometa!
Por volta das 16 horas de Portugal Continental, a Agência Espacial Europeia (ESA) conseguiu fazer aterrar o robô Philae no cometa 67P/Churyumov-Gerasimenko, depois de uma viagem de 10 anos a bordo da sonda Rosetta!
A ESA considera que a missão foi bem-sucedida. O robô conseguiu enviar ao final da noite de ontem (6ª-feira) todos os dados científicos que recolheu no núcleo do cometa, seguindo as instruções dos cientistas. O grande receio era de que não tivesse energia suficiente para fazer o trabalho científico solicitado e, depois, para enviar os dados recolhidos para a sonda Rosetta, em órbita do cometa. Mas, após vários percalços e falhas, as coisas acabaram por correr bem, tendo sido atingidos os objetivos essenciais.



No entanto, a partir de agora, a sonda entrou num longo e profundo sono, depois de ter gasto toda a energia que tinha nas tarefas científicas e ter enviado essa preciosa informação. A aterragem teve uma sucessão de factos inesperados: os arpões que deveriam prender a sonda ao chão não funcionaram, tal como o sistema de propulsão que auxiliaria nessa complexa operação, por isso ela saltitou duas vezes e acabou dentro de um buraco onde chegava pouca luz solar. Os cientistas e engenheiros da ESA tiveram de lidar com essa situação para cumprir a missão na superfície do cometa. Nas ultimas comunicações, ainda conseguiram enviar instruções para que a sonda se levantasse um pouco do solo (cerca de quatro centímetros) e rodasse cerca de 35º, numa tentativa de a pôr a receber mais luz solar.
Como os painéis do Philae recebem agora muito pouca energia solar, os cientistas consideram muito pouco provável que se consiga estabelecer algum contacto nos próximos tempos. Porém, esta sonda que se encontra no colo de um cometa, a 510 milhões de quilómetros da Terra, entre Júpiter e Marte, está-se a aproximar do Sol e da Terra e, à medida que se aproxima do Sol, aumenta a possibilidade de os seus painéis solares conseguirem receber um pouco mais de luz e então… voltar a acordar!
EBSPMA

 

e-Mail faz hoje 45 anos

por Luis Loureiro - Quarta-Feira, 29 de Outubro de 2014, 12:29.

e-mail

Que a Internet veio para ficar, é um facto consumado. Dos vários serviços oferecidos com esta rede, um dos mais utilizados é, sem dúvida, o correio electrónico (e-mail).
De acordo com o site Mashable, especializado em informação sobre a era digital, por dia são criados 144,8 mil milhões de e-mails (mais de 100 milhões por minuto). E, se tivermos em conta que apenas 39% da população mundial tem acesso à Internet e, logicamente ao correio electrónico, é legítimo pensarmos que ainda há margem para aumentar tremendamente.
Nos dias de hoje, em determinadas profissões, 28% trabalho semanal é consumido a ver o e-mail. No entanto, só 14% dessas mensagens podem ser consideradas importantes. SPAM (publicidade não solicitada), mensagens falsas, recados de amigos e notificações de redes sociais, a dizer que alguém comentou alguma coisa, representam o resto!
E tudo começou há precisamente 45 anos, quando no dia 29 de outubro de 1969 Leonard Kleinrock, investigador da Universidade da Califórnia, enviou uma mensagem para o seu colega, Douglas Engelbart, utilizando como suporte a recém-criada rede ARPANET, da ARPA (Advanced Research Projects Agency, dos EUA), rede essa, que hoje é conhecida como sendo a “mãe” da Internet. No entanto, essa mensagem enviada do computador do laboratório de Kleinrock na UCLA para o de Douglas Engelbart no Stanford Research Institute, continha apenas 2 letras: “LO”! Não porque assim o quisessem, mas porque o sistema foi abaixo a meio, quando tentavam enviar a mensagem “LOGIN”! É à custa de falhas e correção das mesmas que a ciência sempre avançou!
EBSPMA

 

 

Noticias mais antigas...

 

 Relógio

 

Calendário

 

Localização da Escola


Ver EBSPMA num mapa maior

 

Música

 

 

 

 

 Contacto do Administrador

(c) Luis Loureiro